Bio Menu

Busca

Sobre o blog

Alimentar-se representa muito mais que apenas ingerir carboidratos, lipídios, proteinas, vitaminas e minerais. Significa relação social, afinal as pessoas comemoram, prazer, indulgencia etc. Neste Blog temos por objetivo discutir todas as faces dos nutrientes e como podemos estabelecer uma ingestão alimentar saudável sem abrir mão do prazer. Com isso pretendemos propor a você pequenas mudanças que farão diferenças importantes na sua vida, venha conosco.

Categorias

Histórico

15/09/2011

Nem tudo que vem da natureza faz bem!

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) proibiu a fabricação, distribuição, comércio e uso de nove medicamentos fitoterápicos, entre eles o chá sete ervas, muito utilizado para combater a obesidade.

Medicamentos e também alguns alimentos precisam ser muito bem estudados, antes de qualquer prescrição ou indicação. Em caso de insuficiência renal crônica, apenas algumas carambolas podem levar um indivíduo a óbito. 

Certamente muitas substâncias tidas como naturais não trazem benefício algum à saúde, em alguns casos, podem ser prejudiciais. Os medicamentos listados abaixo, não atendem as exigências estabelecidas pela ANVISA, na maioria dos casos, não apresentando efeitos clínicos comprovados:

- Chá sete ervas - Recomendado para obesidade, colesterol, celulite, gordura localizada

- Elixir do Pai João (fitoterápico) - Dores de barriga, impotência sexual e perda de memória

- Flor da Catingueira - Fonte alternativa de vitamina C, com extratos de plantas

- Flor da Índia (xarope) - Boca amarga, cólica de fígado ou rins, prisão de ventre e dor de cabeça

- Flor do Sertão (xarope) - Hepatite, úlcera gástrica, pedras na vesícula e ácido úrico

- Folha Santa - Derrames (AVC), palpitações no coração e indicado como "tônico do coração"

- Nutri Plantas (ervas medicinais) - Úlcera, azia, boca amarga e dores gástricas

- Tayu Caroba (elixir natural composto) - Eliminação de cravos, espinhas, tumores e feridas crônicas

- Umburana Composta - Tratamento de infecções nos rins, fígado e vesícula

 

Sugestão de leitura:

The role of oxalate in star fruit neurotoxicity of five-sixths nephrectomized rats. Fang HC, Chen CL, Lee PT, Hsu CY, Tseng CJ, Lu PJ, Lai SL, Chung HM, Chou KJ. Food Chem Toxicol. 2007 Sep;45(9):1764-9. Epub 2007 Mar 23.

Por Marco D. Leme às 13h02

13/09/2011

5 Pequenas Mudanças que Fazem Grandes Diferenças!

As pessoas sempre acham que são necessárias grandes mudanças na alimentação para conseguir emagrecer. No post de hoje vamos falar de atitudes simples e eficazes de conseguir reduzir algumas calorias do cardápio:

- Retirar 2 fatias de queijo branco/dia pode reduzir o consumo em 100kcal por dia, no final de 1 mês isso pode chegar a 3.000kcal – mais de 350g gordura/mês, em 1 ano mais de 4kg de gordura!

- Trocar o suco de laranja natural por suco de abacaxi/maracujá/limão/acerola pode reduzir mais 100 ou até mesmo 150kcal/dia do seu cardápio – aqui o calculo pode chegar a mais 6kg de gordura;

- Diminuir o consumo de carne vermelha. Ao trocarmos a carne vermelha pelas carnes brancas (peixes e frango) podemos diminuir o consumo de gordura pela metade! Enquanto um filé de tilápia (St. Peter) possui 12% de gordura, o filé mignon possui cerca de 40%, menos gordura = menos calorias para a mesma porção;

- Fazer lanches leves (frutas, sucos, iogurtes) entre as refeições;

- Evitar ficar muitas horas sem se alimentar (em jejum). Essa dica está relacionada com a anterior. Elas são fundamentais para que não tenhamos muita fome. Afinal de contas sabemos que quando estamos com muita fome o poder de escolha fica seriamente prejudicado. Sem fome conseguimos optar melhor pelos alimentos que irão compor nossa refeição podendo fazer com que poupemos algumas calorias;

Além disso, temos como regras de ouro: substituir o arroz branco pelo arroz integral, tomar 1 copo de água por hora, consumir diariamente frutas, legumes e verduras;

Associar essas mudanças simples à pratica regular de atividade física irá fazer muita mudança na seu corpo e, principalmente, na sua saúde!

Até a próxima.

Por Desire F. Coelho às 23h48

Ir para UOL Ciência e Saúde

Sobre os autores

Ana Carolina Garcia

Graduação em Nutrição - USP, especialista em Nutrição Aplicada ao Exercício Físico pela Escola de EEFE - USP e especialista em Nutrição Humana Aplicada e Terapia Nutricional pelo IMeN. Nutricionista da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Antonio Herbert Lancha Jr.

Graduação em Educação Física – USP Especialização em Fisiologia do Exercício – UNESP Mestrado e Doutorado em Nutrição Experimental – USP Pós- Doutorado em Medicina Interna – Washington University Professor Titular de Nutrição Aplicada à Atividade Física – USP Coordenador do Grupo de Nutrição do Vita Diretor da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Camila Freitas

Graduação em Nutrição - USP

Pós-Graduação em Gastronomia

Responsável pela área de nutrição das academias Reebok (SP)

Nutricionista da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Carla di Pierro

Graduação em Psicologia - PUC SP

Especialização em Psicologia do Esporte - Instituto Sedes Sapientiae

Especialização em Clínica Analítico Comportamental - Núcleo Paradigma

Aprimoramento em Terapia Comportamental Cognitiva - Amban HCFMUSP

Psicóloga da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Desire F. Coelho

Graduação em Nutrição - Centro Universitário São Camilo

Graduação em Esporte - USP

Mestrado em Educação Física - USP

Doutoranda pelo Instituto de Ciências Biomédicas - USP

Aprimorando em Transtorno Alimentar pelo AMBULIM HC-FMUSP

Nutricionista da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Luciana O. P. Lancha

Graduação em Nutrição e Esporte – USP Mestrado em Bioquímica – UNICAMP Doutorado em Ciências Biomédicas - USP Nutricionista da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Luiz Augusto Riani Costa

Graduação em Medicina – UNICAMP

Pós-graduação em Medicina Esportiva e Fisiologia do Exercício – USP

Doutorando em Fisiopatologia – EEFE/HCFMUSP

Diretor Clínico do setor de Cardiologia dos Laboratórios

Diagnósticos da América (DASA)

Fisiologista do Vita

Médico da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Marco D. Leme

Graduação em Nutrição - Centro Universitário São Camilo

Graduação em Eng. de Alimentos - Instituto Mauá de Tecnologia

Nutricionista do Grupo de DOR - IOT HCFMUSP e da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Patrícia Campos-Ferraz

Graduação em Nutrição – USP

Mestrado em Ciências dos Alimentos – USP

Doutorado em Biologia Funcional e Molecular pela UNICAMP

Nutricionista da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Renata C. Sardinha

Graduação em Nutrição - Centro Universitário São Camilo. Nutricionista do Bio Menu Congelados Saudáveis


Rodrigo Ferraz

Graduação em Educação Física - USP

Especialização em Treinamento Desportivo - UNIFESP/EPM

Especialista em Prevenção de Lesão e Treinamento em Pacientes Oncológicos

Preparador Físico da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida