Bio Menu

Busca

Sobre o blog

Alimentar-se representa muito mais que apenas ingerir carboidratos, lipídios, proteinas, vitaminas e minerais. Significa relação social, afinal as pessoas comemoram, prazer, indulgencia etc. Neste Blog temos por objetivo discutir todas as faces dos nutrientes e como podemos estabelecer uma ingestão alimentar saudável sem abrir mão do prazer. Com isso pretendemos propor a você pequenas mudanças que farão diferenças importantes na sua vida, venha conosco.

Categorias

Histórico

31/03/2011

A experiência de ser obeso e seu estigma

Um estudo publicado em 2010 no Reino Unido, tinha como objetivo relacionar a dificuldade de perder peso da população obesa com o grau de preconceito que essa mesma população haveria sofrido, tanto na infância como na vida adulta. Os resultados mostraram que quanto maior o preconceito, maior a dificuldade em perder peso e manter a perda de peso.

Dados também apontaram que quando esse obeso recebeu um tratamento positivo da sociedade, um tratamento mais tolerante e solidário, passou a perder peso.

No final da pesquisa, foi concluído que ser obeso é uma experiência completamente negativa para uma sociedade que estigmatiza essa condição. Tal estigma pode criar uma

baixa auto estima grave, prejudicando dessa forma, qualquer motivação para a alteração de comportamento. O apoio adequado e compreensão da sociedade, seria o gatilho ideal no incentivo às mudanças necessárias.

 

Maiores informações:

 

Jane Ogden and Cecelia Clementi

Department of Psychology, University of Surrey, Guildford Surrey GU2 7XH, UK

Journal of Obesity

Volume 2010, Article ID 429098, 9 pages

Por Patrícia Oliveira às 14h59

28/03/2011

NUTRIÇÃO E LONGEVIDADE

A alimentação é fator diretamente relacionado à qualidade de vida e longevidade. Neste quesito, a massa muscular é muito importante para uma boa qualidade de vida e a sarcopenia, ou perda degenerativa de massa e força nos músculos com o envelhecimento, se acelera por volta dos 70 aos 80 anos. Para preservar a massa magra, que é a muscular, é indicada atividade física de elevada intensidade, ingestão calórica de proteína entre 1 a 2 g por kg de peso/dia.

A elevação da ingestão protéica acima dessa referência determina perda de massa muscular por ação de hormônios catabólicos como cortisol.  A participação da ingestão de carboidratos deve representar a maior parcela do total calórico na prevenção da degradação protéica típica do processo de envelhecimento.

Com o envelhecimento, várias alterações ocorrem no sistema nervoso central levando à perda de memória, redução da capacidade cognitiva e Alzheimer. Já foi demonstrado que o processo inicial que desencadeia estas alterações é o acúmulo de uma substância chamada amilóide. Esta substância é normalmente produzida pelas células do sistema nervoso central, mas ela não se acumula, isto é, ela é produzida e removida constantemente.

No envelhecimento, no entanto, a remoção desta substância fica prejudicada e ela se acumula nos neurônios, dificultando a funcionalidade dos mesmos, ocasionando morte de neurônios e redução do tamanho cerebral. Esse fenômeno ocorre fundamentalmente após os 60 anos com o aumento do AAMI (Aging Associated with Memory Impairment).

A homotaurina, substância encontrada em pequena quantidade nas algas marinhas, reduz a atividade da enzima responsável pela síntese de amilóide. Sendo assim, a homotaurina previne o “encolhimento” (shirink) do hipocampus cerebral, principal região afetada no Alzheimer, minimizando os efeitos do envelhecimento no sistema nervoso central. Neste caso, o recomendado é suplementação de 100 mg/dia de homotaurina, uma vez que, para atingir esta quantidade, seria necessário o consumo de 5 kg de algas marinhas.

Por Luciana O. P. Lancha às 11h30

Ir para UOL Ciência e Saúde

Sobre os autores

Ana Carolina Garcia

Graduação em Nutrição - USP, especialista em Nutrição Aplicada ao Exercício Físico pela Escola de EEFE - USP e especialista em Nutrição Humana Aplicada e Terapia Nutricional pelo IMeN. Nutricionista da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Antonio Herbert Lancha Jr.

Graduação em Educação Física – USP Especialização em Fisiologia do Exercício – UNESP Mestrado e Doutorado em Nutrição Experimental – USP Pós- Doutorado em Medicina Interna – Washington University Professor Titular de Nutrição Aplicada à Atividade Física – USP Coordenador do Grupo de Nutrição do Vita Diretor da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Camila Freitas

Graduação em Nutrição - USP

Pós-Graduação em Gastronomia

Responsável pela área de nutrição das academias Reebok (SP)

Nutricionista da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Carla di Pierro

Graduação em Psicologia - PUC SP

Especialização em Psicologia do Esporte - Instituto Sedes Sapientiae

Especialização em Clínica Analítico Comportamental - Núcleo Paradigma

Aprimoramento em Terapia Comportamental Cognitiva - Amban HCFMUSP

Psicóloga da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Desire F. Coelho

Graduação em Nutrição - Centro Universitário São Camilo

Graduação em Esporte - USP

Mestrado em Educação Física - USP

Doutoranda pelo Instituto de Ciências Biomédicas - USP

Aprimorando em Transtorno Alimentar pelo AMBULIM HC-FMUSP

Nutricionista da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Luciana O. P. Lancha

Graduação em Nutrição e Esporte – USP Mestrado em Bioquímica – UNICAMP Doutorado em Ciências Biomédicas - USP Nutricionista da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Luiz Augusto Riani Costa

Graduação em Medicina – UNICAMP

Pós-graduação em Medicina Esportiva e Fisiologia do Exercício – USP

Doutorando em Fisiopatologia – EEFE/HCFMUSP

Diretor Clínico do setor de Cardiologia dos Laboratórios

Diagnósticos da América (DASA)

Fisiologista do Vita

Médico da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Marco D. Leme

Graduação em Nutrição - Centro Universitário São Camilo

Graduação em Eng. de Alimentos - Instituto Mauá de Tecnologia

Nutricionista do Grupo de DOR - IOT HCFMUSP e da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Patrícia Campos-Ferraz

Graduação em Nutrição – USP

Mestrado em Ciências dos Alimentos – USP

Doutorado em Biologia Funcional e Molecular pela UNICAMP

Nutricionista da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Renata C. Sardinha

Graduação em Nutrição - Centro Universitário São Camilo. Nutricionista do Bio Menu Congelados Saudáveis


Rodrigo Ferraz

Graduação em Educação Física - USP

Especialização em Treinamento Desportivo - UNIFESP/EPM

Especialista em Prevenção de Lesão e Treinamento em Pacientes Oncológicos

Preparador Físico da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida